Se dilacerou é porque não era Amor

Pensamentos.me/VEM comigo!

O amor é uma marca forte na trajetória humana. Quem passou por essa vida e não amou, não viveu. O amor que tem tantas denominações, facetas inclusive, é um prazer a mais a ser ” degustado” suavemente como um bom vinho. O amor é um regozijo humano na terra. Se nasce e morre muitas vezes, desejando um amor verdadeiro. Ninguém ama depois que morre, o amor enquanto sentimento vive na memória daqueles que cativam a nobreza desse sentimento único e humano, capaz de estreitar diferenças entre pessoas. Claro, o amor enquanto ” comportamento ” vive sob os designos de nossas ações. Por isso, ele deve ser aproveitado ao máximo por duas pessoas que se amam, ou que estejam genuinamente apaixonadas.

Quando as pessoas estão apaixonados, elas ” inventam” situações que cria um certo encaminhamento pela outra. Na verdade, você não ama a outra pessoa, você ama aquilo que você projeta…

View original post 1,377 more words