O homem que se transforma em vulto

Pensamentos.me/VEM comigo!

Um homem atravessa a rua

Um homem que foge de si mesmo,

Um homem que atravessar o particular,

Contrariando o silêncio com seu olhar de indignação.

Um homem que cruza quadras para beber e agradar a freguesia

Um pobre homem sujo

Um homem que se consola com ilusões.

Um homem, dois homens, três homens.

Todos se encontram no mesmo recinto

Cheiro de bebida

Cigarros

Perfumes adocicados.

” Ah” esses homens!.. riem de si mesmos.

Juntos desgovernam as palavras

Declaram os seus desejos através de ações contínuas,

Acendem cigarros de uma forma gentil e vagarosa as suas damas.

Outro dia encontrei com João e perguntei:

“João, como foi a noite? “

João respondeu: ” encarei a carabina!”

Olhei para o cachorro com olhos de piedade na rua.

O que mais, João?

Olhei para o alheio tomando pelo desejo da culpa

Ri de Deus!..

Sou valente, e também bondoso na hora certa.

View original post 139 more words