MARCO TEMPORAL É ASSASSINATO SUMÁRIO E PONTO — Observatório dos Direitos Humanos dos Povos Indígenas Isolados e de Recente Contato

Barbara Crane Navarro

Por: Carolina Santana e Fabrício Amorim Não é possível que interesses individuais de um punhado de proprietários de terra com poder e dinheiro para acessar o Supremo Tribunal Federal (STF) se sobreponha ao direito à vida e às diferentes formas de viver o mundo dos inúmeros povos indígenas de todo país. Seria um novo e[…]

MARCO TEMPORAL É ASSASSINATO SUMÁRIO E PONTO — Observatório dos Direitos Humanos dos Povos Indígenas Isolados e de Recente Contato

View original post