Do nascer ao morrer: evoluímos

Pensamentos.me/VEM comigo!

Eu imagino que uma das experiências mais prazerosas do ser humano seja essa proposta de passar pela vida, ou seja, nascer. Só que nascer é doloroso. É doloroso para o emocional, para o físico. Às vezes, doloroso pra gente que não tem condição de trazer uma criança ao mundo e oferecer uma vida digna.

Todo o processo da vida em si é doloroso. Desde quando uma mulher carrega uma criança em seu ventre ela, vez ou outra sente algum desconforto. Algumas não, elas são agraciadas, nem enjoo dizem sentir. Já tem outras que sentem o período da gestação inteiro. Eu, como mulher e mãe senti, não o período todo da gestação. Mas, devo confessar que além de algumas situações, houveram também momentos prazerosos. Em minha opinião aquele momento em que a criança se mexe é muito dinâmico porque é uma sensação muito gostosa vermos “a barriga toda torta, rsrs…” seguindo…

View original post 725 more words