Um mês de violentos ataques de garimpeiros contra comunidades Yanomami sem proteção do Estado brasileiro! – « Se os garimpeiros cavarem para todo lado, os rios da floresta ficarão cheios de lama, óleo de motor e lixo. Eles lavam seu pó de ouro nos riachos, misturando-o com mercúrio – sujo e perigoso … »

Vivaldi translation of introduction: A month of violent attacks by miners against Yanomami communities without protection from the Brazilian state! – «If the prospectors dig everywhere, the rivers of the forest will be full of mud, engine oil and garbage. They wash their gold dust in the streams, mixing it with mercury – dirty and dangerous … »

Barbara Crane Navarro

Um homem Yanomami na floresta – foto (detalhe): Gullane / Pedro J Marquez

Um conflito eclodiu em 27 de abril, quando um grupo de Yanomami interceptou garimpeiros ilegais que subiam o Rio Uraricoera em uma lancha carregada com combustível para seus aviões, helicópteros e escavadeiras industriais que eles usam para arrancar árvores e mover o solo. Os Yanomami apreenderam 990 litros de combustível. Em seguida, outro grupo de garimpeiros em direção a Boa Vista disparou contra os Yanomami na tentativa de intimidar a comunidade indígena que há anos tenta impedir que garimpeiros ilegais subam rios em seu território.

No dia 30 de abril, os Yanomami contataram autoridades governamentais para alertá-los sobre episódios de violência na região de Palimiú. A região é formada por 1.129 Yanomami em 15 aldeias.

Nenhuma ação efetiva foi tomada pelas forças de segurança do estado.

Local de mineração ilegal de ouro em território indígena

A aldeia…

View original post 1,044 more words